O que dói num homem: O DESPREZO!